Irati

PARÓQUIA IMACULADO CORAÇÃO DE MARIA

INFORMAÇÕES GERAIS1.5.6-1 Irati

Padroeira: Imaculado Coração de Maria.

Endereço

Rua Barão do Rio Branco, 156
Caixa Postal, 231
84500-000 IRATI – PR
Fone: 42 3422-3519
Site: www.comunidadeucraniana.com.br
E-mail: paroquiaucraniana@yahoo.com.br           

Pároco: Pe. Paulo Markiv, OSBM; Vigários paroquiais: Pe. Luiz Slobojian, OSBM e Pe. Deonísio Mazur, OSBM. 

Comunidades de vida consagrada e outras existentes na paróquia

Convento das Irmãs Servas de Maria Imaculada em Irati, Governador Ribas, Linha “B” e Itapará. Em Itapará, dirigem uma Escola de 1º Grau.

Escola Elementar de 1º Grau dirigida pelas Irmãs Servas de Maria Imaculada, em Guamirim – Irati.

Orfanato “São Valdomiro”, dirigido pelas Irmãs Servas de Maria Imaculada, em Engenheiro Gutierrez – Irati.

Posto de Saúde dirigido pelas Irmãs Servas de Maria Imaculada, em Itapará – Irati.

Gruta de Nossa Senhora de Lourdes e Via-Sacra em Itapará – Irati.

HISTÓRIA

No ano de 1949, quando o Pe. Benedito Melnik, OSBM atendendo as comunidades ucranianas vizinhas de Itapará, Gonçalves Júnior e Linha B, frequentemente visitava algumas famílias ucranianas que residiam na cidade de Irati. Surgiu então a ideia de organizar uma comunidade ucraniana nesta cidade. O Padre começou a visitar as famílias, a maioria proveniente da região de Mallet e Dorizon e percebeu-se que, apesar de poucas famílias, a vontade era grande de ter a sua igreja e seus sacerdotes. Corno já havia construído um Clube ucraniano, porque então não construir urna igreja?

O Pe. Benedito, primeiramente, encontrou um lugar onde as pessoas aos poucos fossem se reunindo para as celebrações para que houvesse união na comunidade. Como ainda não havia terreno e sequer qualquer outra construção da igreja, o padre conversou com o Sr. Mariano Maistroviez pedindo que este cedesse a sua casa para as celebrações das missas. Com muita alegria o Sr. Mariano reservou uma sala da sua casa para que as missas lá fossem celebradas.

Não demorou muito e a Sra. Dorotéia Choma encontrou um terreno, sito à Rua Coronel Garcia, no centro da cidade onde poderia ser construída a nova igreja. Inicia- se a campanha para angariar fundos para a compra do terreno. Os principais colaboradores foram: Pedro Choma, Basilio Spak, Pe. Benedito Melnik e a Sra. Sofia Strujak ficou responsável para arrecadar o restante do dinheiro que faltava entre as famílias.

Neste mesmo ano, graças ao esforço das famílias ucranianas e de modo especial da família do Sr. Pedro Choma, iniciou-se a construção da igreja de alvenaria. Foi um ano em que a comunidade sob a orientação do Pe. Benedito Melnik se reunia para organizar promoções e festas com o objetivo de arrecadar fundos para a construção da igreja. O engenheiro responsável pela construção foi o Sr. JaroslauMaistrovicz.

Aos 24 de junho de 1950 a nova igreja foi inaugurada tendo como padroeiro o Imaculado Coração de Maria e foi decidido que a festa do padroeiro seria no dia 08 de dezembro. No período da construção e inauguração da igreja o presidente da comissão foi o Sr. Pedro Choma sendo sempre orientado pelo Pe. Benedito Melnik, OSBM.

Posteriormente, foi construída a casa de reuniões e quarto onde o padre pernoitava quando vinha de Prudentópolis para celebrar as missas, que aconteciam duas vezes por mês.

Em 1953 começou a atender esta comunidade o Pe. BoresKoczi, OSBM e neste ano foi escolhida a nova diretoria tendo como presidente de honra o Sr. Pedro Choma. Presidente da comissão Miguel Slivinski; vice o Sr. Matias Kulcheski; Tesoureiros Basilio Spak e Paulo Hekavei; secretários José Bilek e Valdomiro Sabat.

Desde o início da organização da comunidade ucraniana de Irati, houve uma preocupação especial com a educação religiosa, principalmente das crianças. Todos os anos no mês de janeiro eram ensinados o catecismo para as crianças. A primeira catequese foi com as Catequistas do Sagrado Coração de Jesus de Prudentópolis. Posteriormente catequizavam as Irmãs de São José de Mallet e Irmãs Servas de Maria Imaculada de Prudentópolis as quais até os dias de hoje realizam um belo trabalho pastoral nesta paróquia trabalhando com o Apostolado da Oração, jovens, Cruzada Eucarística e catequese para as crianças.

Em 1964, numa das reuniões da diretoria juntamente com o Pe. José Baraniuk colocou-se em pauta a necessidade de uma igreja maior, pois com o crescimento da cidade o número de famílias ucranianas vindas principalmente do interior do município aumentava e a atual igreja estava ficando pequena. O Sr. Pedro Choma ficou responsável de procurar um terreno. Conversando com o prefeito Dr. Ildelfonso Zanetti, conseguiu uma área localizada no centro da cidade medindo 2000 metros quadrados, de propriedade do próprio prefeito. Inicia-se a campanha para a aquisição do terreno. O terreno foi dividido em metros quadrados e estipulado um valor de 4000 cruzeiros o metro. De acordo com o poder aquisitivo de cada família, cada uma comprava (pagava) a quantidade de metros que podia. Este novo terreno estava localizado à Rua Barão do Rio Branco. Até o ano de 1970 atenderam esta comunidade os seguintes padres: Benedito Melnik, Pe. BoresKoczi, Pe. Irineu Vihorenskei, Pe. Rafael Lototskei, Pe. José Baraniuk, Monsenhor Clemente Preima e Pe. Vidal Klemtchuk.

No ano de 1970 começou a atender esta comunidade o Pe. ValdomíroBurko, OSBM e neste mesmo ano foram realizadas as primeiras missões nesta comunidade comandadas pelos Padres Nicolau Iwaniu e Basilio Zinko. No dia do término das missões, dia 29 de agosto de 1970, o Eparca D. José Martenetz, OSBM realizou na presença de vários padres, religiosas e fiéis a cerimônia da benção da pedra fundamental da nova igreja. Neste dia festivo estavam presentes fiéis das comunidades ucranianas vizinhas: Gonçalves Júnior, Linha B, Itapará, Governador Ribas, Cadeado, Prudentópolis e um ônibus de Curitiba. A missa foi cantada pelo coral da paróquia São Josafat de Prudentópolis sob a regência do Pe. Paulo Kraiczi, OSBM. Apresentados o projeto e a maquete da nova igreja, todos aprovaram e aos 22/04/1971 o Eparca D. José Martenetz assinou a planta. Inicia-se a construção da igreja sob a orientação do Pe. Nicolau Iwaniu, OSBM e a diretoria responsável era: Presidente: Pedro Choma; Vice-presidente: EstefanoParamustchak; Tesoureiros: Basilio Spak e Pedro Choma Júnior; Secretários: VartolomeiHekavei e Nestor Romaniuk. Conselho fiscal: Miguel Romaniuk, Ambrósio Bulka, Paulo Stefanovicz, Miguel Slivinski, Paulo Hekavei, Valdomiro Strujak e Miguel Sabat. Presidente Administrativo: EstefanoParamustchak; Vice: Miguel Romaniuk; Supervisor Geral: Pe. Valdomiro Burko.

Em dezembro de 1973 é eleita a nova diretoria da igreja, tendo como Presidente de honra o Sr. Pedro Choma; Presidente: EstefanoParamustchak, Vice: Miguel Romaniuk; Secretários: Pedro Choma Junior e Basilio Spak. Nesta mesma data assume também o Pe. Emilio Dacechen como vigário desta comunidade.

Aos 14 de outubro de 1979 acontece a inauguração da nova igreja Imaculado Coração de Maria com a presença do Eparca D. Efraim Basílio Krevey, OSBM, padres, religiosas e muitos fiéis da nossa cidade e do interior.

Após a inauguração houve a escolha de uma nova diretoria, a qual iria concluir ainda algumas obras que restavam para a conclusão da construção da igreja. Presidente de honra: Pedro Choma; Presidente da comissão: Pedro Choma Jr; Vice Presidente: Ambrósio Bulka; Secretários: Valdomiro Stefanovicz e Gregório Basan; Tesoureiros: Clemente Dupchak e Paulo Stefanovicz. Representante em Prudentópolis: Pe. Emilio Dacechen e representante em Curitiba Dr. Ambrósio Choma.

No ano de 1980, foram começados os livros onde são inscritos os batizados e casamentos da comunidade.

Escolha da nova diretoria em 1982: Presidente: EstefanoStrujak: Vice: Paulo Stefanovicz: Secretários: Pedro Choma Jr e Ir.Basilina.

No ano de 1988 teve inicio a construção da casa paroquial e salas de catequese. O projeto foi elaborado pelo Pe. VitoSlobojian, OSBM. Com a construção da casa paroquial, era necessário organizar os livros da futura paróquia e definir as comunidades pertencentes a ela. O presidente da comissão na época da construção da casa paroquial foi o Sr. Ambrósio Bulka e o vice Sr. Mariano Saldan.

No ano de 1991, com a presença do Eparca D. Efraim Basílio Krevey, foi inaugurada a nova Paróquia Imaculado Coração de Maria, tendo as seguintes comunidades pertencentes a ela: Gonçalves Junior, Linha “B”, Cerro da Ponte Alta, Pinhal Preto, Itapará, Água Mineral, Inácio Martins, Escola de Água Clara, Governador Ribas e Rebouças. Inicialmente atendia estas comunidades o primeiro pároco Pe. VitoSlobojian, OSBM que já no tempo da construção da casa paroquial residia em Irati.

No ano de 1992 a casa paroquial de Irati também é a sede da Província São José dos Padres Basilianos. Residem aqui o Provincial Pe. Januário Prestavski, OSBM e o Pe. Pároco, secretário e ecônomo da Província São José, Pe. VitoSlobojian, OSBM. Neste ano assume como pároco desta paróquia o Pe. Luiz Slobojian, OSBM.

Em 1994, assume o comando desta paróquia como pároco o Pe. Geraldo Daciuk, OSBM.

Em 1996 o pároco é o Pe. Melécio Krauczuk.OSBM.

Do ano de 1997 até 2005, foi pároco o Pe. Eufrem Krefer, OSBM, tendo como coadjutor o Pe. Eleutério Demetriv, OSBM. A diretoria da paróquia era formada das seguintes pessoas: Presidente: Valdir Sahaiko, Vice: Silvestre Tchmola; Secretários Dr.Wladimir Stepanovicz e Clemente Dupchak, Tesoureiro: Pedro Choma Neto. Essa diretoria fez reformas como: construção de uma nova cerca em frente da igreja, calçada nova ao redor da igreja, construção da nova cozinha e pavilhão paroquial.

O pároco é o Pe. Luiz I. Slobojian, OSBM, que assumiu em 27 de fevereiro de 2005, tendo como coadjutores o Pe. Carlos Melnicki OSBM e Pe. Eleutério Demetriv, OSBM. E a atual diretoria da Paróquia era formada das seguintes pessoas: Presidente: EstanislauGura Vice: Mariano Lucavei, Secretários AnísioHykavy e Jaroslava Taras, Tesoureiro: Lauro Lachouski.

www.comunidadeucraniana.com.br

ATUALIDADE

Famílias:

Atividades pastorais e socioculturais

Catequese: realiza-se aos sábados e domingos. É ministrada pelas Irmãs Servas de Maria Imaculada, como também por catequistas leigas.

Cultos e devoções tradicionais: durante a Quaresma – Via-Sacra, Missa dos Dons Pré-Santificados, celebrações próprias da Semana Santa, tríduos de renovação espiritual e Romaria Anual Penitencial. Durante o mês de maio – tradicional novena (Maivka). No mês de junho – Novena ao Sagrado Coração de Jesus. No mês de outubro – Rosário comunitário. Periodicamente realizam-se missões a cargo dos Padres Basilianos.

Ação Social: Periodicamente, realizam-se festas e promoções apropriadas, tendo por finalidade a manutenção da Paróquia e de suas obras.

Associações leigas religioso-culturais: Apostolado da Oração; Grupo de Jovens; Cruzada Eucarística; Cursilhos de Cristandade; Comissão Administrativa Paroquial (CAP); Grupo folclórico infanto-juvenil e adulto “Ivan Kupalo”; Comissão Paroquial de Catequese.

GONÇALVES JÚNIOR (IRATI)

INFORMAÇÕES GERAIS1.5.6-5 Gonçalves Júnior

Padroeiro: São Pedro e São Paulo.

Localização: A igreja está localizada no centro desta pequena vila que está localizada à 16 km da cidade de Irati.

HISTÓRIA

No ano de 1954 foi concluída a construção da atual igreja e tem como padroeiros São Pedro e Paulo. Tem a medida de 22x8m e seus construtores foram os Senhores Valdomiro Techy e Pedro Saviski.
A atual comissão eleita aos 08 de dezembro de 1999 é composta dos seguintes membros: Presidente: Valdomiro Mudrei; Vice: Casemiro Konopka; Tesoureiros: Paulo Protexe e SelmoZavolski; Secretários: José Roik e João Zavolski.

www.comunidadeucraniana.com.br

ATUALIDADE

Famílias: 30.

Atividades pastorais e socioculturais

Atualmente atende esta comunidade o Pe. Paulo Markiw, OSBM.

Duas vezes por mês é celebrada a Santa Missa. Quando não há celebração, toda comunidade se reúne para rezar “moleben” ou terço.

O grupo do apostolado da oração é composto de 46 membros.

Durante o ano a catequese é ensinada pela Sra. Eliane Lucavei.

GOVERNADOR RIBAS (IRATI)

INFORMAÇÕES GERAIS1.5.6-6 Governador Ribas

Padroeiro: Nossa Senhora da Luz.

Localização: Distância da sede paroquial: 25 km.

Congregação: Irmãs Servas de Maria Imaculada.

HISTÓRIA

A comunidade ucraniana de Governador Ribas teve o seu início com a chegada dos primeiros imigrantes ucranianos vindos da Galícia e Varsóvia no ano de 1928. As primeiras famílias foram: Alexandre e Julia Haliski, Simão e Maria Michalichen, Floriano e Olga Chaida, Miguel e Maria Ianovícz, Leonardo Rutkoski, Estefano e Julia Laeheski Basilio e Maria Vacelechen, Estefano e Nicolau Burel.

Posteriormente começaram a chegar para esta comunidade famílias de outras localidades como de Colônia Marcelino, de Irati, Gonçalves Junior, Linha “B”.

Como em todos outros lugares, estes primeiros imigrantes, também aqui encontraram grandes dificuldades. Não tinham nem um lugar para rezar. Aos poucos foram se reunindo nas famílias e marcaram como ponto de encontro para fazerem as suas orações a casa do Sr. Simão Michalichen.
O Pe. Benedito Melnilk, OSBM ao saber de que existia uma comunidade ucraniana em Bom Jardim (Governador Ribas), começou a visitar esta comunidade e a celebrar a Santa Missa na casa do Sr. Simão e Sra. Maria. Vinha uma vez cada dois meses ou uma vez por mês, mas quando não havia a missa ucraniana, as pessoas participavam da santa Missa na igreja latina Santo Antonio em Guamirim, que ficava a 5 km.

Com o crescimento da comunidade, o Pe. Benedito começou a organizar as famílias e viu que havia a necessidade da construção de uma igreja, pois novas famílias vinham morar em Governador Ribas. Tendo como presidente da comissão o Sr. Alexandre Haliski, iniciou-se a campanha para a compra do material necessário para a construção.

Foi escolhida uma comissão responsável para a campanha do material: EstefanoLacheski, Basílio Haliski e Basílio Vaurek. No ano de 1942 foi construída a primeira igreja, tendo como padroeira Natividade de Nossa Senhora, onde uma vez por mês era celebrada a Santa Missa pelo Pe. Benedito Melnik, OSBM. Quando não havia missa, a comunidade se reunia para rezar outras celebrações: Moleben, via sacra, maivka, terço comandadas pelo Sr. Alexandre Haliski.

Nas férias de janeiro, vinha a catequista Sra. NadiaSchulhan para preparar as crianças para a Primeira Comunhão. Percebendo que somente um mês de catequese não era o suficiente, pois os jovens precisavam de apoio e também era necessário organizar o Apostolado da Oração, a comunidade agora tinha como prioridade trazer as irmãs para trabalhar aqui. Os Srs. Alexandre Haliski e Paulo Stroparo compraram em Irati uma casa e com esta madeira construíram uma casa para as irmãs. Daí o Pe. Benedito solicitou à Provincial das Irmãs Servas de Maria Imaculada para mandar irmãs para esta comunidade. E no ano de 1950 chegaram as primeiras irmãs para o trabalho pastoral nesta comunidade. No início houve certa resistência da parte da prefeitura no que diz respeito de as irmãs lecionarem na escola municipal, mas também a lecionar na mesma. Junto com a casa das irmãs funcionava também o internato para crianças vindas de várias localidades para estudar.
No ano de 1966 foi adquirido um novo terreno que era do Sr. Vitório Kerniski, num local mais plano e mais próximo da vila de Guamirim. Nesta época atendia a comunidade o Pe. Vidal Klemtchuk, OSBM e tinha como presidente da comissão o Sr. Basilio Kressan e tesoureiro o Sr. EstefanoHaliski. Inicia-se a construção de igreja de madeira tendo apoio de toda a comunidade e principalmente das famílias do Srs. EstefanoHaliski e Basilio Kressan. Ambos trabalharam durante 26 anos na comissão desta comunidade. A construção da nova igreja estava sob o comando do construtor o Sr. Silvestre Skrepka. Aos 18 de setembro de 1967 foi inaugurada a nova igreja e pela primeira vez foi celebrada a Santa Missa.

As irmãs continuaram a morar no antigo local onde estava a antiga igreja que ficava a 1500 m da nova igreja. Veio uma ordem da Provincial para que as irmãs deixassem esta comunidade. Durante três anos as irmãs estavam ausentes.

Vendo a grande falta que as irmãs faziam para o crescimento espiritual da comunidade, as famílias se reuniram e mandaram um grupo de pessoas influentes da comunidade até Prudentópolis para conversar com a Irmã Provincial ZenóbiaKmita pedindo que novamente enviasse irmãs para esta comunidade. Estas pessoas eram: Basilio Kressan, EstefanoHaliski, Miguel Chaida e Basilio Haliski. Receberam como resposta da irmã Provincial que a comunidade teria que mudar a casa para perto da igreja, onde as irmãs tinham um terreno. Logo toda a comunidade se reuniu e fez a transferência da casa. Aos 19 de fevereiro de 1973 vieram as irmãs novamente para trabalhar nesta comunidade. No dia 25 de fevereiro deste mesmo ano houve a inauguração da nova casa das irmãs com a presença do Bispo D. Efraim B. Krevey, OSBM e dos Padres Emilio Dacechen e Teodoro Haliski. Até os dias de hoje as irmãs desenvolvem um grande trabalho pastoral na comunidade de Governador Ribas trabalhando com as crianças, Cruzada Eucarística, jovens e Apostolado da Oração.
No ano de 1995, com a iniciativa do Pe. VitoSlobojian, OSBM, planejou-se a construção de uma nova igreja de alvenaria. Com o acidente do Pe. Vito em fevereiro de 1996, assume a comunidade o Pe. Januário Prestavski, OSBM (provincial dos Padres Basilianos) que leva adiante a idéia da construção. E feito o projeto e aos 06 de outubro deste mesmo ano inicia-se a construção. A comissão escolhida para a construção da igreja é a seguinte: Presidente: José Haliski, Vice-presidente: José Gerba, Tesoureiro: Paulo Haliski Sobrinho, Secretário: Darei Haliski.

Nova igreja, em alvenaria, foi inaugurada solenemente aos 09 de setembro de 2001, com a presença de Sua Excia. D. Efraim B. Krevey. Estavam presentes na celebração os padres: Eufrem Krefer, OSBM (Pároco da Paróquia Imaculado Coração De Maria de Irati e que atualmente atende a comunidade de Governador Ribas, Teodoro Haliski (Reitor do Seminário Nossa Senhora do Patrocínio em Roma), Januário Prestavski (superior de Ivaí) Vidal Klemtchuk (pároco de Guarapuava e Bonifácio Zaluski (Diretor das Missões da Eparquia). A missa foi cantada pelo Trio Yavir de Curitiba (Catedral). Destaque nesta construção, foi o grande empenho e colaboração da família Haliski (irmãos do Pe. Teodoro Haliski), principalmente o Sr. Jose Haliski, atual presidente da comissão.

www.comunidadeucraniana.com.br

ATUALIDADE

Famílias: 67.

Atividades pastorais e socioculturais:

LINHA B (IRATI)

INFORMAÇÕES GERAIS1.5.6-9 Linha B

Padroeiro: São José Operário.

Localização: Distância da sede paroquial: 22 km.

Congregação: Irmãs Servas de Maria Imaculada.

HISTÓRIA

No início da imigração das primeiras famílias ucranianas na região de Linha “B”, as pessoas se deslocavam vários quilômetros a pé para participar da Santa Missa na colônia Gonçalves Júnior ou iam participar das celebrações até a cidade de Prudentópolis.

Com a vinda das irmãs Servas de Maria Imaculada para Linha “B” no ano de 1938, as pessoas aos domingos se reuniam na escola, que era junto com a casa das irmãs, e lá rezavam nos domingos as novenas (molebem) e participavam da celebração da missa quando o padre vinha de Prudentópolis. Neste ano atendia as comunidades de Itapará, Gonçalves Júnior e Linha “B” os Padres Melécio Karninski e Benedito Melnik. Com um local apropriado para servir de escola, as irmãs também logo organizaram as crianças da região para que participassem do catecismo, fazendo o mesmo com o Apostolado da Oração e Congregação Mariana, mas o local principal onde eram realizadas as celebrações era a colônia Gonçalves Júnior, onde já existia uma comunidade melhor organizada e estruturada com urna igreja e a maioria participavam nas missas na colônia.
Atenderam esta comunidade até o ano de 1974 os seguintes padres: Benedito Melnik, Josafat Roga, José Preima, Orestes Karpluk, VartolomeuSinhiuta, Pancrácio Nhunka, BoresKocziy, Irineu Vihorenchkei, PaxomioOsintchuk, Basílio Zinko, José Martenetz, Nicolau Iwaniu. PacivoLozovei, Meron Baraitiuk, Eugênio Haracemtchuk, Efraim Krevey, Basilio Cembalista, Gregório Mazepa, Vidal Klemtchuk, Inácio Doroch, Inocêncio Baran. Januário Prestavski e Emilio Dacechen.
Com o Pe. Emilio Dacechen foi construída uma nova igreja de madeira em frente do colégio das irmãs, do outro lado da estrada. A igreja media 9 x l8 metros. No dia primeiro de maio de 1974 com a presença do Eparca D. Efraim Basilio Krevey, OSBM, foi inaugurada a nova igreja São José Operário em Linha “B”. O presidente da comissão era o Sr. José Stadnik.

Com a fundação da nova paróquia em Irati, a comunidade de Linha “B” a partir de 1990 começou a pertencer a Irati e era atendida pelos padres daquela paróquia: Padres: VitoSlobojian, Luiz Slobojian, Januário Prestavski, Geraldo Daciuk, Melécio Krauczuk. Em 1995 é escolhida uma nova comissão a qual terá corno objetivo principal construir uma nova igreja, já que a atual estava muito desgastada pelo tempo. Presidente: José Stadnik, Vice: André Strujak; Tesoureiro: Pedro Strujak; Secretários: Romão llnitski e Lucia Ilnitski.

Aos 14 de junho de 1998, ano dedicado ao Espírito Santo acontece a benção da nova Igreja São José Operário pelo Eparca D. Efraim Basílio Krevey, OSBM. A nova igreja é de alvenaria e mede 10×20 metros. Atendeu a comunidade na época da construção e inauguração o pároco da Paróquia Imaculado Coração de Maria Pe. Eufrem Krevey, OSBM. A comissão da igreja na inauguração foi à mesma já citada anteriormente.

www.comunidadeucraniana.com.br

ATUALIDADE

Famílias:Atualmente frequentam esta comunidade cerca de 80 famílias.

Atividades pastorais e socioculturais

O Apostolado da Oração é composto de 70 membros.

As irmãs Servas de Maria Imaculada trabalham com o Apostolado da Oração, Jovens, Cruzada Eucarística e crianças.

REBOUÇAS

INFORMAÇÕES GERAIS1.5.6-11 Rebouças

Padroeira: Nossa Senhora do Amparo.

Localização: Distância da sede paroquial: 18 km.

HISTÓRIA

Na quaresma (março) do ano de 1951, sob a orientação e comando dos Revmos. Padres Clemente Preima e Pedro Busko, reuniram-se na residência do Sr. Demétrio Pastuch para tratar do assunto da construção da igreja para a comunidade ucraniana de Rebouças que na época era composta aproximadamente de setenta e quatro famílias.

Neste momento foi escolhida a Diretoria e Conselho Administrativo para construção da igreja do Rito Ucraíno Católico em Rebouças. Foi escolhido por aclamação como presidente o Sr. Demetrio Pastuch; o Sr. Silvestre Brekailo como vice; o Sr. JanuarioBusko secretário e o Sr. Pedro Padleski escolhido como tesoureiro.

O Conselho Administrativo foi composto na mesma data com os seguintes nomes: Srs. EstefanoLehenkei, Nicolau Demczuk,José Kutcher, Basilio Parabotchei, Nicolau Oblestchuk, Alexandre Makcernovicz, Gregório Lachman, Adam Stcherba, EstefanoVereta, EstefanoKrutckevitch, João Tomás, EstefanoBoroch, Paulo Bodnartchuk, Pedro Bilek e LaudemiroPastemak.
No mês de setembro deste mesmo ano, numa reunião da diretoria juntamente com o Pe. Pedro Busko foi marcada a primeira festa em prol da construção da igreja e a data sugerida pelo Pe. Pedro foi 07 de outubro, em homenagem a Nossa Senhora do Amparo. Neste dia foi convidado o coral de Mallet para cantar a Santa Missa. Após a celebração foi bento o local e colocado uma cruz onde seria construída a igreja.

A festa foi um sucesso. Além do lucro arrecadado com a promoção, muitos benfeitores fizeram as suas doações. Foram eles: Demétrio Pastuch, Pedro Choma, Basílio Czpak, Basílio Parabotchei, Alexandre Makcemovicz, Alexandre Temosko, Pedro Padeski, Silvestre Brekailo. Januário Busko. Miguel AbdailaSaraff, Valdomiro Operanski, EstefanoVereta, Gregório Fedaniu, Miguel Suczko, Afonso Urbitch, Gregório Lachman, Valdomiro Pasternak, EstefanoKruskevitch, EstefanoLehenkei, Nicolau Oblestchuk,FlorianoNernes, Teodoro Bartosek. Foram doadas também as entradas do cine Marambi.

A partir do ano de 1990, esta comunidade passou a ser atendida pelos padres basilianos da Paróquia Imaculado Coração de Maria de Irati.

Em 1995, através da iniciativa do Pe. VitoSlobojian, OSBM, então pároco da Paróquia ucraniana de Irati, toda a comunidade se une para arrecadar fundos para a construção de uma nova igreja, já que a antiga estava bastante comprometida por causa da ação do tempo.
Depois de várias campanhas, festas e ajuda da Adveniat, é demolida a antiga igreja e no mesmo lugar é construída a nova igreja de alvenaria medindo 22×12 metros contendo 3 cúpulas. Em 1999, a igreja já está concluída e a bênção está programada para outubro do ano 2000. A diretoria durante a construção da igreja que continua a atual é a seguinte: Presidente: Verônica Cabral, Vice: Marcos Pereira, Secretários: Luis Carlos Carvalho do Prado e Marlene WoiskPaluch, Tesoureiro: José Antochechen. Mestre de obra da construção Sr. Eugênio Wiciuk.

www.comunidadeucraniana.com.br

ATUALIDADE

Famílias: 42.

Atividades pastorais e socioculturais: –

 

ÁGUA CLARA: Há celebrações periódicas na Escola (capela) de Água Clara com 14 famílias. Distância da sede paroquial: 48 km.

ÁGUA MINERAL (IRATI): A 1ª e única igreja construída, em alvenaria, data do ano 1983. Padroeira: Nossa Senhora do Rosário. Famílias: 96. Distância da sede paroquial: 50 km.

CERRO DE PONTE ALTA (IRATI): A 1ª igreja data do ano 1977. A 2ª e atual, 1992, ambas em alvenaria. Padroeiro: Sagrado Coração de Jesus e Maria. Famílias: 45. Distância da sede paroquial: 34 km.

INÁCIO MARTINS: A 1ª e única igreja, em madeira, data do ano 1983. Padroeiro: São Pedro. Famílias: 37. Distância da sede paroquial: 55 km.

ITAPARÁ (IRATI): A 1ª igreja, em madeira, data do ano 1945. A 2ª e atual, em alvenaria, 1982. Padroeiro: Assunção de Nossa Senhora. Famílias: 136. Distância da sede paroquial: 50 km.

PINHAL PRETO (IRATI): A 1ª igreja, em madeira, data do ano 1934. A 2ª e atual, em alvenaria, 1992. Padroeiro: São João Batista. Famílias: 44. Distância da sede paroquial: 38 km.